sábado, 22 de janeiro de 2011

TODO MUNDO ODEIA O CHRIS

Everybody Hates Chris foi uma sitcom estadunidense inspirado no período da adolescência do comediante Chris Rock, exibido entre os anos de 2005 a 2009. No Brasil é exibido pelo canal pago Sony Entertainment Television (que a exibe no idioma original) e pelo canal aberto da Rede Record (que a exibe em português).

Possui quatro temporadas e um total de 88 episódios. A quarta temporada estreou numa sexta-feira, no dia 3 de outubro de 2008. No dia 21 de maio de 2009, o canal The CW anunciou o cancelamento da série.

Sinopse

A série mostra a vida da família Rock entre os anos de 1982 a 1987, focando em um membro em especial: Chris Rock. No ano de 1982, Chris completa 13 anos e muda-se com sua família para Bedford-Stuyvesant (conhecida como "Bed-Stuy"), no Brooklyn, Nova York. Lá, Chris vive as alegrias e desventuras de ser um adolescente, tanto em ações em que a história realmente acontece quanto em pensamentos e conclusões expostas de forma humorística e muitas vezes exageradas.

Chris passa a estudar na "Corleone Junior High School", escola que, com excessão da própria personagem, só possui alunos brancos (situação que está sempre a ser ridicularizada durante esse período do programa); localiza-se no Brooklyn Beach. Lá, ele passa a ser perseguido e sofre preconceito de todas as pessoas, principalmente de Joe Caruso. Porém, ele também faz um amigo: Greg Wulliger, com quem divide as dificuldades desse período.

Ao fim da 3ª temporada, Chris forma-se na Corleone junto com Greg e a partir da temporada seguinte passa a cursar o ensino médio no Tattaglia High School, também no Brooklyn Beach, só que com alunos negros além de Chris. Porém, Greg vai para a Academia do Bronx, onde se torna alguém temido. Ainda no início da temporada, Greg vai para o Tattaglia. O colégio tinha como mascote um peixe, o "Sleeping Fish", o qual Greg representou durante um episódio.

A história chega ao fim quando Chris passa a não conseguir mais terminar o ano devido a muitos atrasos e decide fazer um supletivo, o qual não se sabe o resultado. A série acabou nesse ponto pois a partir daí a história entraria no período de iniciação da carreira dele como comediante, o que fugiria do contexto estabelecido desde a 1ª temporada, além do fato de que seu pai, Julius, morreu em 1988, ano que corresponderia ao início da 5ª temporada; na vida real, Julius faleceu devido à uma úlcera.

O fim da série

O fim da série foi decretado em março de 2009. O último episódio foi ao ar em maio de 2009. Foi o episódio "Todo Mundo Odeia o Supletivo", o de número 22 da quarta temporada. Além da audiência que deixou a desejar, o canal americano The CW disse que o fim da série foi no momento certo, porque, se fosse produzida uma quinta temporada, o enredo focaria já no início da carreira do comediante, saindo da ideia principal da história. Muitos fãs não aprovam o fim da série.

Vida real

Julius Rock é um personagem baseado em Christopher Julius Rock II, pai de Chris Rock.

Rochelle Rock é uma personagem baseada na professora Rosalie Tingman Rock, mãe de Chris Rock.

Drew Rock é um personagem baseado em Andrew Rock, irmão de Chris Rock.

Tonya Rock é uma "versão feminina" de Tony Rock.

Greg Wulliger é baseado num amigo de infância de Chris Rock.

Na série, Chris tem só Drew e Tonya como irmãos, mas, na verdade, Chris Rock tem sete irmãos.

Resumos das temporadas

1ª temporada

A história se passa no condado de Brooklyn em Nova York nos anos de 1982 e 1983. A família Rock se muda para uma casa no bairro de Bedford-Stuyvesant, vindos de um conjunto habitacional, e lá o filho mais velho do casal Julius Rock (Terry Crews) e Rochelle Rock (Tichina Arnold), chamado Chris, é matriculado numa escola de pessoas brancas chamada de Corleone, por sua mãe pensa que assim teria uma educação melhor em relação às escolas de Bed-Stuy. Por ser negro, Chris enfrenta muitos preconceitos, pois em sua época, a sociedade americana ainda era resistente a preconceito ou deboches. Chris conhece um garoto branco chamado Greg, com quem mantém uma amizade por longo tempo. A família de Chris, é composta por dois irmãos, o do meio chamado Andrew (Drew) e a mais nova chamada de Tonya. Seus pais se chamam Rosalie (Rochelle) e Julius. Rochelle é uma mulher extremamente estressada e Julius uma pessoa extremamente trabalhadora, que luta pelo sustento de sua casa, não gostanto de gastar dinheiro excedente do necessário, fato que tornou-se piada frequente na sitcom. Chris começa a trabalhar na Mercearia do Doc (DOC's) para ajudar no sustento da família.

2ª temporada

Nesse período a história se passa no condado de Brooklyn em Nova York nos anos de 1984 e 1985. Chris ainda enfrenta problemas referente a preconceitos, e trava uma longa batalha com Joey Caruso, um garoto branco que o vive discriminando devido ao fato de Chris ser negro. Na escola Chris torna-se muito amigo da professora Morello. Essa professora é a favor da comunidade negra, mas é ao mesmo tempo, extremamente preconceituosa relacionando Chris com diversos preconceitos comuns aos negros; ela tenta ser tão politicamente correta que acaba reforçando esteriótipos raciais, como por exemplo que os negros são supostamente melhores na dança e afins, quando em tese ela como educadora deveria minimizar sem renegar a condição racial do mesmo, mas acaba tentando subsidia-lo a tal ponto que a todo o tempo reforça que ele é afro-americano e tem uma tribo própria muito além da Corleone quando usa frequentemente termos tais como "o povo do Chris", deixando bem claro que o Corleone é ítalo-americano, enquanto o aluno cotista pertence a outra tribo etno-social e genomica norte-americana. Algo como: você está aqui, mas lembre-se que veio de outro mundo e ainda pertence a este outro mundo, visto que a tentação em querer ser assimilado pelo mundo novo e aparentemente "melhor" que o seu é bastante tentadora, mas ao mesmo tempo destruídora de ambas as identidades originais e portanto diminuidora da real diversidade, pois anula duas pra gerar apenas uma.

3ª temporada

Nesse período a história se passa no condado de Brooklyn em Nova York nos anos de 1985 e 1986. Chris e seu amigo Greg continuam estudando no colégio Corleone, sendo que, ainda em 1986, porém na temporada seguinte, completam o ensino fundamental indo para outro colégio no mesmo bairro. Chris começa a se apaixonar por sua vizinha chamada Tasha (Paige Hurd), porém a avó de Tasha, chamada de Louise (Whoopi Goldberg) recrimina Chris, por ele ser negro, porém por ela também ser negra deixa de lado esse preconceito. No mesmo período, Chris dá o seu primeiro beijo em uma brincadeira, o "Jogo da Garrafa"("Todo Mundo Odeia O Primeiro Beijo"). Nesse mesmo episódio, ocorre outro com a garota que Chris beijara no jogo, porém ainda assim ele continua apaixonado por Tasha, principal motivo para participar da brincadeira. Nessa temporada, o próprio Chris Rock, pessoa em que se baseia a série o qual é diretor, participa, no episódio "Todo Mundo Odeia o Orientador". Ocorre também a primeira vez o qual Chris dirige, tendo que ir até a escola com o carro do pai ("Todo Mundo Odeia Dirigir"), a presença de outro garoto negro na Corleone por 1 episódio ("Todo Mundo Odeia O Novato"), a tentativa de se tornar um garoto popular na sua escola ("Todo Mundo Odeia Ser Descolado"), entre outras desventuras

4ª temporada

Por fim a última temporada da série, passada em 1986 e 1987, Chris está com 15 anos, e já começa a manifestar algumas atitudes da adolescência. Chris vai para o Colégio Tattaglia, também composto majoritariamente por ítalo-americanos. Depois de muita insistência, Chris ganha um beijo em uma pequena rodinha de adolescentes, na época chamado de "Jogo da Garrafa". Esta é a temporada em que Chris toma atitudes mais radicais, como desobedecer a mãe Rochelle e largar os estudos. No Ano Novo, realizado na Times Square, Chris vai com Malvo, Peaches (Tisha Campbell Martin) e Tasha, comemorar a passagem de ano, porém Tasha surpreendentemente beija Chris. Após algum tempo, Chris está extremamente apaixonado por Tasha e a pede em namoro. Tasha aceita namorar com Chris, o que o deixa feliz e extremamente desconfiado. Chris não imagina que Tasha seria tão exigente como namorada. Chris por fim, é "Reprovado" no 1° Ano e por isso repete, porém não continua seus estudos como o desejo de sua mãe. Chris decide fazer o GED (supletivo) e no final do ultimo episódio chega o resultado, porém não se diz se ele passou ou não,(Resposta para vocês: o número do caminhao de Julius pintado é a nota de Christoper que na media é 800.Vejam que eles filmam somente o numero 735.) Mas como a série é baseada no verdadeiro Chris Rock, é quase certo de que ele passou, pelo menos é o que diz na biografia de Chris Rock: "He decided to drop out of high school altogether and later received a GED. Rock worked menial jobs at various fast-food restaurants." (Ele decidiu cair fora do ensino médio e depois recebeu um "GED"), ou seja, ele recebeu o certificado de aprovação. Segundo relatos, o sitcom não realizou mais temporadas, porque na vida real Julius faleceu em 1988, decorrente de uma crise de gastrite, tornando-se fatal durante uma cirurgia de úlcera. Segundo a série, Julius também tinha problemas relacionados a artrite, como a "gota"

Um comentário:

  1. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
    Adorei, sou muito viciada no cris ! Adorei :D

    ResponderExcluir

RELÓGIO DA TERRA

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...